Centro de Valorização da Vida (CVV) começa a atender em Bacabal

Enviado por Pascom Santana' em 00:35:00 com Nenhum comentário
Na manhã da última terça-feira (20), foi inaugurado o posto do Centro de Valorização da Vida (CVV), no prédio do Hospital Geral de Bacabal, com a presença de voluntários, representantes da sociedade civil e do poder público municipal. 

Fundado em São Paulo em 1962, é uma associação civil sem fins lucrativos, filantrópica, reconhecida como de Utilidade Pública Federal em 1973. 

Este é a primeira unidade de atendimento do Estado e sua vinda foi planejada, programada e executada a partir do desejo do Padre Ribamar em prevenir e combater um dos males que mais tem crescido no Brasil: o suicídio. Para tanto, realiza apoio emocional e prevenção dessa prática, atendendo voluntária e gratuitamente todas as pessoas que querem e precisam conversar, sob total sigilo presencialmente, por telefone, email, chat ou outros meios eletrônicos. Os trabalhos da unidade são coordenadores por Conceição Silveira (foto abaixo, ao lado do Padre Ribamar).

De acordo com dados da Organização Mundial de Saúde (OMS), 32 pessoas se suicidam por dia no Brasil, ou uma a cada 45 minutos, o que faz do país o oitavo com mais suicídios no planeta.

No estado do Maranhão, a taxa deste problema, classificado em nível de saúde pública, acomete grande parte da população e estima-se, segundo dados do Departamento de Informática do Sistema Único de Saúde (Datasus), que a cada 100 mil maranhenses 3,5% desta população acaba cometendo o suicídio.

Os dados do Departamento de Informática do Sistema Único de Saúde (Datasus) também acrescentam que os índices de suicídio variam de acordo com a disposição geográfica do Maranhão, ou seja, dos municípios localizados ao norte do estado, São Luís se destaca com uma taxa de 3,66% de atentados fatais contra a própria vida para cada 100 mil habitantes.

Ao sul do estado, o líder da lista é o município de Chapadas das Mangabeiras (7,14%). Na porção leste, encontra-se o município de Caxias com (6,77%). A oeste, o município de Imperatriz ocupa a
primeira posição (3,96%) e na porção central do estado, entre os  municípios do Médio Mearim, Lima Campos lidera o ranking, com uma taxa de 5,78% suicidas para cada 100 mil habitantes.

Grande parte do mês de janeiro foi dedicado à capacitação dos voluntários, que atenderão em regime de alternância, procurando contribuir para a diminuição de tantos casos de suicídios, como os que têm acontecido nos últimos meses em nossa cidade. 
O telefone para atendimento é: (99) 3621-2206.


Com informações do Jornal O Estado do Maranhão, de 13 de setembro de 2017.
Colaborou: Wellington Fabrício (Voluntário - CVV)
Categories: