Corpus Christi: Católicos de Bacabal manifestam sua Fé na presença de Real de Cristo na Eucaristia

Enviado por Pascom Santana' em 16:37:00 com Nenhum comentário
Uma multidão lotou a Praça da Bíblia e, em seguida, as principais ruas de Bacabal para manifestar sua fé na presença real de Cristo na Eucaristia nesta quinta-feira (31), Solenidade de Corpus Christi. 

A programação do dia iniciou-se com a celebração da Santa Missa na Praça da Bíblia, a partir das 17:30h, presidida por Dom Armando Martin Gutiérrez e o clero da cidade. Estavam presentes o Ministro Provincial dos Franciscanos - Frei Bernardo, os Párocos Padre Ribamar (Sant'Ana e São Joaquim), Padre Lauro (Santa Teresinha), Frei Osmar (São Francisco das Chagas), o Administrador da Área Pastoral Nossa Senhora Virgem de Fátima, Frei Eduardo, dos Vigários Paroquiais Frei Ivaldo, Padre Dener, Padre Thiago e Frei Heriberto, além dos Diáconos.

O bispo diocesano falou a dupla comemoração naquela noite, quando além de celebrar Corpus Christi, também já estamos no ano jubilar, quando a Diocese de Bacabal comemora seus 50 anos de vida e missão nestas terras. "Para super as dificuldades e fortalecer-se em tão grande missão, sempre foi necessário alimentar-se da Eucaristia para poder melhor servir os irmãos", destacou o bispo. "Reconhecemos, portanto, essa companhia permanente em nossa vida, no dia a dia. O gesto de caminhar em procissão quer manifestar que a Eucaristia não é para ficar no sacrário, no ostensório, mas para chegar aos nossos corações e dele um sacrário vivo, como foi em Maria", completou. 

Esse ano o espaço da celebração estava especialmente ornado com tapete produzido a partir de serragem, café e areia. Mais um detalhe que demonstrou o quanto é importante a Eucaristia para os cristãos. Após a Missa, o Santíssimo Sacramento foi exposto por Dom Armando e seguiu em carro aberto, acompanhado pelos fiéis em procissão, mas também pelas pessoas em suas ruas, sempre com um olhar de gratidão e fé. Muitos ornamentaram suas casas para acompanhar a Sua passagem, até chegar na Catedral Diocesana de Santa Teresinha, onde deu-se a bênção, finalizando a celebração.

Origem da Solenidade

A Festa de Corpus Christi surgiu no séc. XIII, na diocese de Liège, na Bélgica, por iniciativa da freira Juliana de Mont Cornillon, (†1258) que recebia visões nas quais o próprio Jesus lhe pedia uma festa litúrgica anual em honra da Sagrada Eucaristia.

Aconteceu que quando o padre Pedro de Praga, da Boêmia, celebrou uma Missa na cripta de Santa Cristina, em Bolsena, Itália, ocorreu um milagre eucarístico: da hóstia consagrada começaram a cair gotas de sangue sobre o corporal após a consagração. Dizem que isto ocorreu porque o padre teria duvidado da presença real de Cristo na Eucaristia.

O Papa Urbano IV (1262-1264), que residia em Orvieto, cidade próxima de Bolsena, onde vivia S. Tomás de Aquino, ordenou ao Bispo Giacomo que levasse as relíquias de Bolsena a Orvieto. Isso foi feito em procissão. Quando o Papa encontrou a Procissão na entrada de Orvieto, pronunciou diante da relíquia eucarística as palavras: “Corpus Christi”.

Confira algumas fotos:
Fotografia: Lourival Albuquerque
Categories: